Translate

ESTEJA JUNTO COMIGO NESTA OBRA.

É importante apoiarmos iniciativas que contribuem para a propagação da Palavra de Deus. Esta obra, em particular, tem sido muito importante, pois visa dar subsídios da Lição Bíblica para a Escola Biblica Dominical. Sinto-me feliz em poder fazer a minha parte para ajudar esta obra a alcançar seus objetivos. Faça parte desta obra e ajude a espalhar a Palavra de Deus! Caso queira contribuir com uma oferta use PIX Cel. 997518304 . It is important that we support initiatives that contribute to the spread of the Word of God. This work, in particular, has been very important, as it aims to provide information on the Bible Lesson for the Sunday School. I feel happy to be able to do my part to help this work achieve its goals. Be part of this work and help spread the Word of God! If you want to contribute to an offer, use PIX Cel. 997518304 . https://www.paypal.com/donate/?hosted_button_id=NNAE7UM5Y5MDN

Contributions to this missionary work

LIÇÃO 02 - A DETURPAÇÃO DA DOUTRINA BÍBLICA DO PECADO

LIÇÃO 02 - A DETURPAÇÃO DA DOUTRINA BÍBLICA DO PECADO

Texto Áureo: “Por isso, nenhuma carne será justificada diante dele pelas obras da lei, porque pela lei vem o conhecimento do pecado.” (Rm 3.20)

Leitura Bíblica em Classe: Romanos 3.9-20

 

Introdução: Deus planejou, criou e aformoseou um lindo jardim, o qual se chamou Éden e nele formou o homem e também a mulher. Nesse jardim Deus criou árvores, sendo que uma a do conhecimento do bem e do mal e outra, a árvore da vida. Se Deus não impusesse qualquer proibição a respeito de não comer do fruto da árvore do conhecimento do bem e do mal e por ventura, Adão viesse a comer, é certo que nada aconteceria, porque não estava debaixo de uma lei divina. Mas não foi esse o caso, pois Deus deu um mandamento para Adão proibindo de comer do fruto daquela árvore do conhecimento do bem e do mal, sendo que a partir dessa proibição, Adão estava debaixo de uma lei e se a descumprisse, ele infringiria um mandamento que lhe foi imposto, cometendo um erro, ou seja, um pecado que significa errar o alvo. A partir dessa desobediência o pecado lhe foi imputado, o que fez pesar na sua consciência. Devemos entender que Eva sua mulher, ao ser tentada pela serpente (satanás) a comer do fruto e ao comer nada lhe aconteceu e porque nada aconteceu a ela, simplesmente porque ela não estava debaixo de lei, pois a lei foi dada só para Adão e Satanás sabia disso. Se ficasse só nisso estaria tudo normal, mas quando ela convence Adão a comer e quando ele come a sua consciência pesa como também a consciência de Eva pesa a partir desse momento, pois os dois sendo uma só carne, Adão transmite a ela o pecado que lhe foi imputado. Tendo os dois sido contaminados pelo pecado, os filhos e filhas que geraram também já nascem contaminados pelo pecado, o que contaminou a todos que viessem a nascer, o que se formou toda a humanidade contaminada pelo pecado. Ao ser contaminado pelo pecado, Adão que era até então o governante da terra perdeu a sua governança para Satanás e na condição de governante Satanás ficou com a humanidade em pecado sob o seu poder e influência. Porém Deus providenciou meios para o homem se libertar de Satanás e os meios que Deus condicionou foi aceitá-lo como o único Deus e negar Satanás.

1. O PECADO LEVOU TODA HUMANIDADE AO FRACASSO DIANTE DE DEUS

Romanos 3.9 – Pois quê? Somos nós mais excelentes? De maneira nenhuma! Pois já dantes demonstramos que, tanto judeus como gregos, todos estão debaixo do pecado, Romanos 3.10 – como está escrito: Não há um justo, nem um sequer Romanos 3.11 – Não há ninguém que entenda; não há ninguém que busque a Deus. Romanos 3.12 – Todos se extraviaram e juntamente se fizeram inúteis. Não há quem faça o bem, não há nem um só.

Deus chamou a Abraão e da sua descendência formaria um povo que deveria ser sua propriedade peculiar dentre todos os povos sendo um reino sacerdotal e o povo santo. Com o povo já formado e multiplicado no Egito, Deus os libertou dali e já no deserto o comportamento deles não era bom sendo que pecavam, mas o pecado não era imputado, pois não havia lei e, por conseguinte não estavam debaixo de lei. Se o povo não tem lei não há ordem e sim desordem, então Deus promulgou no Sinai através de Moisés as leis morais, cerimoniais e cíveis, para por ordem entre o povo de Israel. Para ser imputado o pecado era necessário que o povo receba a lei e, ela foi lida por Moisés, para que a partir daí, se pecassem, o pecado seria imputado, pois o Senhor não teria mais o culpado por inocente.  

2. O QUE PECAR CONHECENDO A PALAVRA SERÁ JULGADO POR ELA.

Romanos 3.13 – A sua garganta é um sepulcro aberto; com a língua tratam enganosamente; peçonha de áspides está debaixo de seus lábios; Romanos 3.14 – cuja boca está cheia de maldição e amargura. Romanos 3.15 – Os seus pés são ligeiros para derramar sangue. Romanos 3.16 – Em seus caminhos há destruição e miséria; Romanos 3.17 – e não conheceram o caminho da paz. 18 – Não há temor de Deus diante de seus olhos.

O povo com os pecados imputados pagariam o preço dos erros que cometessem, com todas as consequências provenientes. Todos os que pecaram na ignorância da lei perecerão embora não conheçam a lei; e todos os que pecaram conhecendo a lei serão julgados pela lei, porque estando debaixo de lei os pecados são imputados e dessa forma serão julgados pela lei. Os não ouvintes da lei não são considerados justos aos olhos de Deus e sim os praticantes da lei. Os gentios ignoram a lei escrita, mas tem uma consciência do que é certo e do que é errado e no julgamento final, o Senhor julgará a todos os perdidos com justiça sem mostrar nenhuma parcialidade. A lei não é para o povo gentio que não segue a Deus, ou seja, no antigo testamento a lei foi dada exclusivamente para o povo de Israel. Nesse caso entende-se que para o povo que não se converte a Deus por não estar debaixo de lei, o pecado não é imputado, mas não significa que estarão livres do julgamento final.

3. POR NATUREZA TODOS SEM EXCESSÃO ESTÃO SOB O PODER DO PECADO.  

Romanos 3.19 – Ora, nós sabemos que tudo o que a lei diz aos que estão debaixo da lei o diz, para que toda boca esteja fechada e todo o mundo seja condenável diante de Deus. Romanos 3.20 – Por isso, nenhuma carne será justificada diante dele pelas obras da lei, porque pela lei vem o conhecimento do pecado.

Assim como Israel recebeu a lei para se conscientizarem do que podia fazer e do que não podiam e se a transgredissem o pecado seria imputado, também a igreja está debaixo de leis espirituais. Significa que se o cristão pecar dolosamente sofrerá a imputação da transgressão praticada segundo a lei da semeadura e da colheita. Quanto ao povo não cristão, a palavra diz que Deus os entregou as concupiscências dos seus corações, à imundícia, para desonrarem seus corpos entre si; Rm 1.24. A palavra é escrita para a Igreja e quem a usa não pode deturpar ou empregá-la erroneamente para atacar ou hostilizar o povo que não é cristão, está agindo contra a palavra, pois não é assim que ela nos ensina. A igreja deve passar o amor de Cristo para o povo do mundo, não por força ou violência, mas pelo Espírito, como diz o Senhor. Jesus disse: Mateus 10.15 Com toda a certeza vos afirmo que haverá mais tolerância para Sodoma e Gomorra, no dia do juízo, do que para aquelas pessoas. Mateus 11.22 Contudo, eu vos digo que para Tiro e Sidom haverá menos rigor, no dia do juízo, do que para vós. Isso esclarece que os pecadores do mundo sofrerão menos rigor no juízo do que para os cristãos que perderão a salvação. Isso porque para o cristão o pecado é imputado por estarem debaixo de lei e os povos do mundo por não estarem debaixo de lei sofrerão menos rigor no julgamento. Isso mostra que não eternidade para todos os que foram julgados no juízo final haverá graus de castigo e o cristão que ficou sofrerá o castigo mais rigoroso. Tem cristão que vai para o juízo? Sim tem muitos, principalmente aqueles que deturpam a palavra de Deus. Mateus 7:22-23 Muitos me dirão naquele dia: 'Senhor, Senhor, não profetizamos em teu nome? Em teu nome não expulsamos demônios e não realizamos muitos milagres? 23 Então eu lhes direi claramente: Nunca os conheci. Afastem-se de mim vocês que praticam o mal!

 

Pastor Adilson Guilhermel


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Fale com o Pastor

Os subsídios de lições bíblicas são uma ferramenta valiosa que pode ajudar os professores a preparar e ministrar aulas mais eficazes. Ao escolher o subsídio mais adequado e usá-lo de forma criativa, você poderá ajudar seus alunos a crescer na fé e no conhecimento da Bíblia. - Permita a exibição de anúncios no nosso site. Se você está usando um bloqueador de anúncios peço que desative, pois contamos com a publicidade para ajudar a financiar nosso site. Pastor Adilson Guilhermel

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

VISÃO MISSIONÁRIA


Faça sua busca aqui