ANÚNCIOS AUTOMÁTICOS

Inscreva-se no meu canal

LIÇÃO 02 - O REINO DIVIDIDO: JEROBOÃO E ROBOÃO

Lição 2 O Reino Dividido Jeroboão e Roboão

Texto Áureo: "Muitos propósitos há no coração do homem, mas o conselho do SENHOR permanecerá." (Pv 19.21)
Leitura Bíblica em Classe: 1 Reis 12.1-10,13,14,26-29

Introdução: Após a morte de Salomão em 931 a.C seu filho Roboão subiu ao trono (1 Rs 11.43). Salomão foi o principal responsável pela divisão do reino em duas partes: o reino do Norte (Israel) e o reino do Sul (Judá). A fatídica história de insensatez desse rei nos mostrará as consequências de uma má decisão. Essa história nos ensina a dependermos cada vez mais de Deus em momentos que tomamos decisões importantes na vida. A queda de Salomão na idolatria atraiu como punição de Deus a divisão do reino de Israel.  Assim disse o Senhor a Salomão: Pois que houve isto em ti, que não guardaste a minha aliança e os meus estatutos que te mandei, certamente rasgarei de ti este reino, e o darei a teu servo. Todavia nos teus dias não o farei, por amor de Davi, teu pai; da mão de teu filho o rasgarei; 1 Reis 11:11,12
1. O líder sempre deve se relacionar bem com o povo e entender suas necessidades.
1 Reis 12.1- E foi Roboão para Siquém, porque todo o Israel veio a Siquém, para o fazerem rei. 1 Reis 12.2- E sucedeu, pois, que, ouvindo-o Jeroboão, filho de Nebate, estando ainda no Egito (porque fugira de diante do rei Salomão e habitava Jeroboão no Egito), 1 Reis 12.3- enviaram e o mandaram chamar; e Jeroboão e toda a congregação de Israel vieram e falaram a Roboão, dizendo:  1 Reis 12.4 - Teu pai agravou o nosso jugo; agora, pois, alivia tu a dura servidão de teu pai e o seu pesado jugo que nos impôs, e nós te serviremos.
Os envolvidos na divisão do reino foram Roboão e Jeroboão, onde o norte composto por dez tribos, passou para a liderança de Jeroboão; e o sul composto por Judá e Benjamim com Roboão. Com a morte de Salomão, seu filho Roboão seria constituído Rei com aprovação do povo. Mas Roboão não herdou nenhuma nobreza do seu avô Davi, nem tampouco a sabedoria do seu pai Salomão e a falta dessas virtudes, transformou essa pessoa num ser arrogante e prepotente, o que acelerou essa divisão. Estavam presentes para a coroação os líderes das dez tribos com Jeroboão sendo o porta voz deles. A princípio, Jeroboão e os líderes não tinham a ideia de divisão, pois a intenção era manter todas as tribos unidas num só reino. A disposição dos líderes em continuar a servir Roboão foi expressa por eles, nas condicionais de que ele desse condições mais humanas para o povo, pois Salomão havia subjugado esse povo como num regime de semi escravidão, com pesados impostos para manter os excessivos custos do seu reinado. (Provérbios 14:29 A pessoa que se mantém calma dá prova de grande sabedoria, mas o precipitado revela publicamente sua falta de juízo).
2. O líder não pode se precipitar na tomada de decisões, antes deve buscar conselho.
1 Reis 12.5- E ele lhes disse: Ide-vos até ao terceiro dia e voltai a mim. E o povo se foi. 1 Reis 12.6- E teve o rei Roboão conselho com os anciãos que estavam na presença de Salomão, seu pai, quando este ainda vivia, dizendo: Como aconselhais vós que se responda a este povo? 1 Reis 12.7- E eles lhe falaram, dizendo: Se hoje fores servo deste povo, e o servires, e, respondendo-lhe, lhe falares boas palavras, todos os dias serão teus servos.
A princípio, Roboão fez o que era certo, ou seja, não tomar uma decisão de imediato como esperavam os que o inquiriram e isso é louvável. Assim, nada decidindo sobre a questão, ele pediu três dias de prazo para dar a resposta. Primeiramente, Roboão foi tomar conselho com as pessoas certas, ou seja, os sábios, conselheiros, oficiais, anciãos, e outros de vários ofícios. Roboão dependia muito das tribos do norte para dar andamento aos projetos do seu pai Salomão e uma ruptura tudo sofreria uma descontinuidade. Roboão recebeu bons conselhos de todos os quais ouviu, pois algo importante para conquistar os líderes das tribos do norte seria atendê-los e com isso teria a lealdade deles. (Provérbios 11:14 Não havendo sábia direção, o povo cai, mas, na multidão de conselheiros, há segurança).
3. O líder que despreza o conselho dos sábios e busca o dos tolos precipita sua ruína.
1 Reis 12.8- Porém ele deixou o conselho que os anciãos lhe tinham aconselhado e teve conselho com os jovens que haviam crescido com ele, que estavam diante dele. 1 Reis 12.9- E disse-lhes: Que aconselhais vós que respondamos a este povo, que me falou, dizendo: Alivia o jugo que teu pai nos impôs? 1 Reis 12.10- E os jovens que haviam crescido com ele lhe falaram, dizendo: Assim falarás a este povo que te falou, dizendo: Teu pai fez pesadíssimo o nosso jugo, mas tu o alivia de sobre nós; assim lhe falarás: Meu dedo mínimo é mais grosso do que os lombos de meu pai.
Com a sua insensatez Roboão desprezou os sábios conselhos, indo se aconselhar com os jovens de índole má e isso só poderia levá-lo a tomar a pior decisão da sua vida, pois foi dessa forma que ocorreu a divisão das tribos do norte e do sul. Eram jovens que viviam nos palácios filhos de oficiais, e não sabiam o que era sofrimento pelas faltas das coisas. Foi proposto pelos jovens a Roboão que aumentasse o jugo do seu pai Salomão e esse era um conselho que deveria ser rejeitado, pois não era um conselho sábio. (O que anda com os sábios ficará sábio, mas o companheiro dos tolos será destruído. Provérbios 13:20).
4. O líder não pode ser influenciado pelo seu próprio coração endurecido a não ouvir.
1 Reis 12.13- E o rei respondeu ao povo duramente, porque deixara o conselho que os anciãos lhe haviam aconselhado. 1 Reis 12.14- E lhe falou conforme o conselho dos jovens, dizendo: Meu pai agravou o vosso jugo, porém eu ainda aumentarei o vosso jugo; meu pai vos castigou com açoites, porém eu vos castigarei com escorpiões.
Roboão já influenciado indicou que no seu reinado o povo seria submetido a trabalhos forçados em regime de escravidão e com ameação de açoites para que o desobedecesse. Ao final dos três dias Jeroboão veio saber a decisão de Roboão e a resposta foi que ele não iria  tirar o jugo pesado do povo e sim redobrar, o que foi inaceitável. Palavras duras, em meio a severas ameaças, foram inspiradas pelos seus jovens conselheiros o que acarretou a divisão do seu reino. Deus estava no controle, pois Israel não tinha mais condições de ser cabeça e sim calda, mas isso visava um propósito maior do Senhor. Israel tinha que cair a fim de que o mistério oculto de Deus, o qual é a igreja, em tempo oportuno pudesse surgir. Um dia Israel voltará a ser cabeça, mas terá que passar pela grande tribulação, para chegar ao reino milenar de Cristo. (Provérbios 13:16 – Todo prudente age com conhecimento, mas o tolo espraia a sua loucura)
5. O líder arrogante só tem a perder com a sua insensatez e quem sofre é o seu povo.
1 Reis 12.26 - E disse Jeroboão no seu coração: Agora, tornará o reino à casa de Davi. 1 Reis 12.27- Se este povo subir para fazer sacrifícios na Casa do SENHOR, em Jerusalém, o coração deste povo se tornará a seu SENHOR, a Roboão, rei de Judá, e me matarão e tornarão a Roboão, rei de Judá. 28- Pelo que o rei tomou conselho, e fez dois bezerros de ouro, e lhes disse: Muito trabalho vos será o subir a Jerusalém; vês aqui teus deuses, ó Israel, que te fizeram subir da terra do Egito. 29- E pôs um em Betel e colocou o outro em Dã.
Quando os governos são ditatoriais o povo é que sofre as consequências e isso aconteceu com as dez tribos de Israel, pois Jeroboão tomou medidas para impedir que o povo fosse adorar no templo em Jerusalém. A estratégia adotada por Jeroboão foi dar ao povo uma nova fé religiosa, com a confecção de dois bezerros de ouro para serem adorados. Com isso houve um declínio espiritual do povo, pois voltando-se para essa nova fé religiosa, eles se afastaram distanciando-se do verdadeiro Deus, o Deus de Israel. Nesse caso, anteriormente a tudo isso, houve um culpado, o qual foi o próprio Salomão que através das suas mulheres pagãs formou um sincretismo religioso, voltando-se também para os ídolos. Nesse caso, Jeroboão não teve dificuldades de levar o povo a esse sincretismo religioso, pois tiveram em exemplo anterior de Salomão. (Provérbios 29:2 Quando os justos governam, o povo se alegra; quando os perversos estão no poder, o povo geme).

Pastor Adilson Guilhermel


CORRESPONDENTE