Escola Dominical - Esboços EBD  

Pastor Adilson Guilhermel

Home     Agenda      Lições    Sermões     Contato

 4º Trimestre de 2016 - Lições Bíblicas Adultos
"O DEUS DE TODA PROVISÃO" 
 Esperança e sabedoria divina para a Igreja 
em meio às crises

Lição 2 - 9 de Outubro de 2016.

A PROVISÃO DE DEUS EM TEMPOS DIFÍCEIS

TEXTO ÁUREO: "E o mundo passa, e a sua concupiscência; mas aquele que faz a vontade de Deus permanece para sempre." (1 Jo 2.17)

LEITURA BÍBLICA EM CLASSE: Êxodo 16.1-15

Comentário: Para falarmos sobre o Deus provedor precisamos compreender os dois pensamentos filosóficos que se alinham com o deísmo e o teísmo. Na filosofia, o teísmo afirma que houve um deus ou força cósmica de algum tipo que deu origem a criação. Porém num ato contínuo a isso abandonou a sua criação, deixando entregas às leis naturais. Desse modo entendem eles que Deus não tem qualquer interesse a sua própria criação, não intervindo, nem provendo e nem castigando. Isso significa nas suas concepções que Deus abandonou a sua criação. Em contraste, o teísmo ensina sobre a presença de Deus na criação, intervindo, recompensando e punindo. Isso mostra que o homem não está isento da sua responsabilidade de obedecer aos princípios divinos, e será recompensado ou punido segundo os seus atos. Deus realizou todo o processo da criação e nunca deixou o homem entregue a sua própria sorte como apregoa a filosofia deísta. Jesus reforçou o pensamento teísta quando confortou os seus seguidores com estas palavras: (E, quanto ao vestuário, por que andais solícitos? Olhai para os lírios do campo, como eles crescem; não trabalham nem fiam; Mateus 6:28 Considerai os lírios, como eles crescem; não trabalham, nem fiam; e digo-vos que nem ainda Salomão, em toda a sua glória, se vestiu como um deles. Lucas 12:27). Isso mostra o cuidado de Deus com a sua criação dentro da fauna e da flora e principalmente com o homem. Estamos vivendo nos últimos dias da Igreja na terra e isso é evidenciado pelo aumento progressivo da apostasia e heresias de toda sorte falsificando o evangelho de Cristo. Esses inimigos de Cristo que se originou já nos tempos da igreja primitiva continuarão a prosperar até que o Senhor retorne para arrebatar a sua igreja. Enquanto Cristo não vem o falso ensino promovido pelos mercenários da fé continuarão a afligir a igreja. São os homens maus e impostores que irão de mal a pior, enganando e sendo enganados. Quando falamos de provisão de Deus em tempos difíceis, não estamos focando só a questão material, mas principalmente a questão espiritual. A ausência da sã doutrina em muitas igrejas que aderiram aos milagres das riquezas fictícias e curas enganosas tem levado multidões a esse tipo de ilusão. O ato de prover divino na sua essência doutrinária continua sendo mantido imaculado pelos fieis doutrinadores que sabem guardar bem o seu depósito que lhes foi confiado. (Por cuja causa padeço também isto, mas não me envergonho; porque eu sei em quem tenho crido, e estou certo de que é poderoso para guardar o meu depósito até àquele dia. 2 Timóteo 1:12). O cristão para ser verdadeiramente espiritual deve se manter sob a provisão divina nesses tempos difíceis se realmente leva a sua vida em função da eternidade buscando sempre as realidades invisíveis de Deus. Já o cristão mundano vive de acordo como o que pode ver pela concupiscência dos olhos, não buscando a provisão divina e sim aquilo que ilusoriamente os falsos pastores lhe oferecem, nos sentido de se apascentarem a si mesmos.

I - PROVISÃO DIVINA MESMO EM UM MUNDO CAÓTICO CONTINUA VINDO

1. A provisão de Deus no deserto mesmo na rebelião Ele foi misericordioso.

Êxodo 16. 35 E comeram os filhos de Israel maná quarenta anos, até que entraram em terra habitada; comeram maná até que chegaram aos termos da terra de Canaã.

O povo de Israel ao ser tirado do Egito, ainda no início da sua caminhada pelo deserto, se impacientou voltando-se contra Deus por falta de provisão de água primeiramente e posteriormente por falta de provisão de comida. Isso mostra que o povo cristão em sua maioria acaba esquecendo em pouco tempo os grandes milagres de Deus e isto por qualquer motivo, principalmente quando passam por alguma privação física ou material. Uma das reações mais comuns, porém as quais afrontam a Deus é a murmuração que aponta para o mundo do qual saíram dizendo que viviam melhor antes de se tornarem cristãos. Jesus não prometeu uma vida de fartura física para os que abraçam a fé cristã. A promessa de fartura está voltada ao sentido espiritual e essa fartura não são todos que buscam Jesus mandou que primeiro se buscasse o reino de Deus e que as demais coisas serão acrescentadas. (1 Pedro 5:7 Lançando sobre ele toda a vossa ansiedade, porque ele tem cuidado de vós.).

2. A provisão de Deus para Elias em Querite revela o cuidado de Deus

(1 Rs 17.6 E os corvos lhe traziam pão e carne pela manhã; como também pão e carne à noite; e bebia do ribeiro. 1 Reis 17:6).

Um exemplo de provisão alimentar para o profeta Elias. O estranho dessa provisão é que ela viria por meios incomuns, ou seja, seriam corvos que trariam todos os dias os seus suprimentos alimentar. Em tempos difíceis para o profeta motivado por uma longa seca que assolou toda terra de Israel em cumprimento de um juízo divino, o profeta ficou retirado em Querite durante esse tempo. Estava só, mas havia alguém presente, o qual é poderoso para fazer infinitamente mais do que tudo que pedimos ou pensamos, conforme o seu poder que opera em nós (Efé. 3.20). Deus cuida dos seus fiéis servidores para que nenhuns dos seus propósitos possam ser impedidos. Quando cessou o alimento e a água indicava que o fim desse suprimento, exigia, pois uma mudança para não ficarmos acomodados, isto porque o fim de uma coisa acontece para que haja o começo de outra. Os fins tornam-se novos começos de novas realizações predestinadas por Deus.

3. A provisão de Deus para Elias em Sarepta no momento crucial

1 Rs 17.9 Levanta-te, e vai para Sarepta, que é de Sidom, e habita ali; eis que eu ordenei ali a uma mulher viúva que te sustente.

Deus ordenou a Elias para sair da sua zona de conforto para um novo propósito a ser realizado. Quando estamos a serviço do reino em obediência irrestrita ao Senhor, as experiências com o sobrenatural de Deus são sequenciais, pois sempre um milagre deve ser seguido por outro, para quem caminha no Espírito. O cenário pode mudar, mas as provisões de Deus continuam mesmo em circunstância diferentes. Agora não seria os corvos a sustentar o profeta e sim uma viúva pobre que não tinha para oferecer a ele para comer. O que restava a viúva era apenas um pouco de farinha e azeite para uma pobre refeição e depois morreriam de fome. O profeta pediu esse alimento dizendo: faz primeiro para mim. Como se dissesse faz primeiro para Deus. E certamente quando assim fazemos alcançaremos a sua provisão, pois ele recompensa a todos que o servem com liberalidade.

II - NESSE MUNDO CAÓTICO PRECISAMOS NOS ESCONDER EM CRISTO

1. O mundo jaz do Maligno porque satanás é o deus desse século.

1 Jo 5.19  Sabemos que somos de Deus, e que todo o mundo está no maligno.

Desde a queda de Adão no Éden, quando perdeu o direito de governar a terra, Satanás que provocou a sua queda assumiu por vontade permissiva de Deus o direito de governá-la. Isso é afirmado pela palavra a qual diz que todo o mundo está no maligno. O sistema de governo de satanás é totalmente invisível sobre a humanidade. Assim o homem sendo cego para esse sistema invisível e maligno é dominado em todos os segmentos sociais, políticos e religiosos, onde a sua influência é uma realidade que o homem sem Cristo não consegue enxergar. O sistema mundano de satanás age nos lares, influencia filhos pelos tipos de mídia e outros meios. Também absurdamente homens que se dizem de Deus, mas que na realidade estão sob a égide de Satanás, corrompe a doutrina de Deus oferecendo ao povo coisas atrativas dentro da área física e material. Essa conduta corruptiva é uma afronta ao Deus vivo como também uma rebelião contra Ele, pois enganam o povo com coisas que não constam na bíblia desmerecendo ao Deus da provisão.

2. O mundo globalizado também é uma preparação para o anticristo

João 10.10  O ladrão não vem senão a roubar, a matar, e a destruir; eu vim para que tenham vida, e a tenham com abundância.

A globalização do mundo oferece vantagens importantes no sentido da comunicação com o avanço tecnológico. Entre essas vantagens está a introdução do Evangelho em qualquer lugar, lares, pessoas e repartições pelo mundo afora. Porém tudo que pode ser usado para o bem, Satanás tira proveito para introduzir o mal nos mesmos lugares que o bem entra. Para o plano diabólico da nova ordem mundial que entre outras coisas prega o ecumenismo já trabalhado pelo papa em suas falas. Na realidade essas coisas já é uma preparação para a entrada do anticristo que agirá no período da grande tribulação após o arrebatamento da igreja. As ações dessa nova ordem já são notórias e o povo evangélico deve estar atento para não se deixar envolver pelas propostas tentadoras de Satanás, pois estamos no tempo do arrebatamento da Igreja. A palavra de Deus diz: apenas um pouquinho de tempo e o que há de vir virá e não tardará.

3. A igreja não deve sofrer mudanças como o mundo sempre muda.

É preocupante que muitos cristãos já estão envolvidos e absorvidos por esse mundo globalizado cedendo as influências de Satanás tornando-se crentes carnais que não dão a mínima importância para a vinda de Cristo. Não podemos ignorar que o anticristo já está operando há muito tempo e com mais intensidade nestes últimos dias da igreja na terra. A confirmação está escrita na palavra quando diz: É preocupante que muitos cristãos já estão envolvidos e absorvidos por esse mundo globalizado cedendo as influências de Satanás tornando-se crentes carnais que não dão a mínima importância para a vinda de Cristo. (Porque já o mistério da injustiça opera; somente há um que agora o retém até que do meio seja tirado; 2 Tessalonicenses 2:7).  

III - CARATERÍSTICAS DO MUNDO ATUAL

1. Uma sociedade centrada no homem é algo totalmente maligno.

Colossenses 1.17  E ele é antes de todas as coisas, e todas as coisas subsistem por ele.

Deus é o criador de todas as coisas e isso o torna absoluto, uma vez que Ele é antes de todas as coisas, tendo poder sobre tudo, como dá coesão perfeita sobre toda criação. O homem não é, e nunca será o centro do universo, pois o que é atribuído a Deus, ninguém pode usurpar. Só Deus é o criador e exerce soberania sobre todo o universo. Cristo é antes de tudo no tocante a importância, ao poder e à autoridade. Tudo por Ele e através dele, significa que quando todas as coisas estão em união com Cristo, elas se mantêm unidas e sustentadas por Ele. Quem não esta unido a Ele não pode permanecer debaixo da provisão de Deus, porque Ele sustenta todas as coisas pela palavra do seu poder.  

2. Na sociedade relativista a Igreja não pode desprezar o valor doutrinário

2 Timóteo 3.2  Porque haverá homens amantes de si mesmos, avarentos, presunçosos, soberbos, blasfemos, desobedientes a pais e mães, ingratos, profanos,

Tem determinadas organizações religiosas ou igrejas organizações que se modernizaram tanto ao ponto de introduzirem tantas inovações mundanas que já tratam a bíblia como um livro obsoleto, ou seja, ultrapassado. Isso o apóstolo Paulo já havia alertado naqueles tempos e agora com o mundo avançado em vários segmentos deu oportunidades a muitos oportunistas que enxergam o povo como simples números e não como igreja do Senhor. (“Mas o Espírito expressamente diz que nos últimos tempos apostatarão alguns da fé, dando ouvidos a espíritos enganadores, e a doutrinas de demônios; Pela hipocrisia de homens que falam mentiras, tendo cauterizada a sua própria consciência”(1 Timóteo 4:1,2).

3. A Igreja não pode se integralizar com uma sociedade secularizada

Que pregues a palavra, instes a tempo e fora de tempo, redarguas, repreendas, exortes, com toda a longanimidade e doutrina. 2 Timóteo 4:2

Paulo exortou a Timóteo advertido sobre a introdução da secularização no meio da igreja com a introdução de falsas doutrinas que deveriam ser combatidas com a verdadeira doutrina. A secularização dos ensinos bíblicos voltados às fábulas e que não dão comichão nos ouvidos tem sido absorvidas por vários pastores, onde adotam o pensamento que é proibido proibir. Assim são adotados uma visão liberal sem restrições para agradar o povo naquilo que eles gostam de ouvir. Não amar o mundo, nem o que no mundo há, não significa o mundo físico, mas o mundo espiritual sob a influência dominadora de Satanás. O apóstolo Paulo combateu com todas as forças os hereges que procuram introduzir nas igrejas as suas vás filosofias. Paulo sabia que depois da sua partida lobos cruéis, iram entrar nas igrejas e não perdoariam o rebanho. Esses homens com grande poder de persuasão atraiam discípulos para torná-los seus próprios seguidores. Em nossos dias essa prática se avolumou como também se modernizou mais ainda. O que nos deixa indignados é que nos tempos de Paulo, o povo não tinha acesso à completude das escrituras, pois ainda não existiam e com isso era mais fácil enganar o povo. Só que agora temos a bíblia na sua completude, mas o povo no seu comodismo e negligência em aprender a sã doutrina corre atrás das mentiras, pois infelizmente muitos gostam de dar ouvidos aos vendedores de ilusões.  


Elaborado pelo Pastor Adilson Guilhermel

Realizo essa obra com poucos recursos e preciso do seu apoio para mantê-la e expandi-la. Ajude-me a alcançar mais pessoas com a verdadeira sã doutrina!
 Gostaria de fazer uma doação? Clique no botão abaixo.